Juventude e missão ad gentes foram os temas da Assembleia dos Diretores das Pontifícias Obras Missionárias

Publicado em 5 de Março de 2018 Por Seja o primeiro a comentar!

A cidade de Atyra no Paraguai recebeu entre os dias 26 de fevereiro e 2 de março diretores das Pontifícias Obras Missionárias das Américas. A 14ª edição da assembleia oportunizou um espaço de formação sobre o tema juventude, no contexto eclesial do próximo “Sínodo da Juventude”, convocado pelo Papa Francisco, que será realizado no ano 2019, sob o lema “Com os jovens, vamos levar o Evangelho a todos”.

Os diretores ouviram as contribuições de Dom Pedro Jubinvill, bispo encarregado da área social da Conferência Episcopal Paraguaia, que apresentou o tema, trazendo uma perspectiva pastoral e elementos fundamentais para a evangelização da juventude e a proposta do Evangelho da Vida que desejamos fazer como Igreja e, em particular, como POM. As abordagens foram de ordem sociológica, cultural e religiosa, discutindo formas e espaços para entrar no mundo dos jovens, ouvi-los, acompanhá-los e gerar dinamismo de escuta.

A assembleia também foi espaço para aprofundar a discussão e organização do 5º Congresso Missionário Americano (CAM 5), que acontece nos dias 10 a 14 de julho, em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia.

Dom Mario Antônio Cargnello, bispo da Arquidiocese de Salta (Argentina) e representante do CELAM na assembleia, destacou a experiência positiva vivenciada com os diretores ao longo da semana. “Encerro esse encontro muito feliz, primeiro pela comunhão entre as POM da América Latina e também da América do Norte. A paixão pelo Evangelho enraizada no coração dos diretores nos contagia e abre horizontes ao perceber que a Igreja somente é Igreja quando evangeliza, por que nasceu para anunciar o Evangelho. Escutamos as crianças, adolescentes, jovens e adultos que transmitiram sua paixão por Cristo. Esta é a razão de ser das Pontifícias Obras Missionárias: que Cristo seja conhecido, amado e que transforme nossa sociedade, dando sentido à humanidade para que voltemos à casa do Pai. Ali a frente está o horizonte do CAM 5, que nos impulsiona a seguir trabalhando, rumo ao encontro na Bolívia, e o espírito juvenil do Sínodo dos Jovens, que também esteve presente em nossa reunião. Oxalá sigamos trabalhando nesta linha e com este fervor”, destacou Dom Mario.

Segundo Ir. Cilenia Rojas, secretária executiva do 5º Congresso Missionário Americano (CAM 5), a assembleia deu passos importantes no aprofundamento e organização deste importante momento para a Igreja. “Nesta assembleia dos diretores das Américas, um dos temas que estivemos abordando é o desenvolvimento e os avanços do Congresso Missionário Americano, porque os diretores das Pontifícias Obras Missionárias são os organizadores deste encontro, junto com as Conferências Episcopais no nosso Continente. O objetivo é fazer que nossa Igreja seja mais missionária. Por isso, apresentou-se o programa que será desenvolvido durante o CAM 5, onde se observa a evolução no processo de preparação, com desejo de acolher a todos os missionários de nosso continente, de norte a sul, para viver uma experiência como Igreja de comunhão de corresponsabilidade, buscando fazer de nossa Igreja uma Igreja missionária e em saída. Neste sentido, pode-se perceber o interesse e o compromisso por parte de todos os diretores das POM. Alguns países são responsáveis por workshops e palestras que estão na programação do CAM 5, que tem como lema “América em missão, o Evangelho é Alegria”. Quatro são os eixos que nos animam: Alegria, Evangelho, Reconciliação e Comunhão, Missão e Profecia. Convidamos todos os nossos irmãos a nos prepararmos para viver um novo Pentecostes através da oração, da preparação ao CAM 5 e da participação. Que Deus abençoe esse encontro que como Igreja queremos viver, para seguir renovando o nosso compromisso com esse Deus que nos chama a ser missionários da alegria”, concluiu.

O diretor das POM do Paraguai, Pe. Osvaldo Ramirez, relatou a satisfação de poder receber membros de diversos países para participar da assembleia. “Com alegria acompanho esse momento muito importante onde acolhemos nossos irmãos diretores dos diferentes países da América, assim como ao Dom Mario Antônio Cargnello, representante do CELAM. Para nós é um sinal de compromisso com a Igreja missionária em saída. A Igreja do Paraguai está fazendo um grande esforço para viver essa dimensão missionária da fé. Os bispos, religiosos, sacerdotes e, mais fortemente, os leigos, através da experiência da Infância e Adolescência Missionária – IAM, dos Jovens Missionários – JM, e das Famílias Missionárias, todos nos sentimos em comunhão com a Igreja da América Latina e Caribe. Estamos gratos a Deus por essa experiência, pois não é somente para nós uma alegria receber os diretores, mas também uma maneira de nos sentirmos em comunhão e comprometidos com essa Igreja missionária que nos pede o Papa Francisco”, finalizou o diretor.

Pe. Leonardo Rodrigues, diretor das POM do Uruguai e coordenador dos diretores das Américas, lembrou a  assembleia vai trazer grandes contribuições para a Igreja do Continente. “São dias de fraternidade e comunhão, onde estamos sendo chamados para viver um serviço essencial da Igreja através da animação e formação missionária de nossas comunidades. São dias de estudo e reflexão, especialmente com os temas que iremos trabalhar neste ano: animação e formação missionária dos jovens, já que o tema deste ano de 2018 é “Com os jovens, levemos o Evangelho a todos”. A partir disso, temos organizado subsídios em grupos de trabalho, para na última etapa da assembleia os transformá-los em compromissos de trabalho a serem discutidos ao longo do ano. Foi um trabalho intenso que realizamos nestes dias que convivemos, trazendo, sem dúvida, um grande benefício para as Igrejas do Continente”.

Brasil acolhe a próxima Assembleia dos Diretores

Ao final do encontro, foi definido que a  15ª Assembleia será em Brasília (DF), de 18 a 23 de fevereiro de 2019. Padre Maurício Jardim, diretor nacional das POM do Brasil, destaca a importância de acolher esse encontro no próximo ano, podendo apresentar aos diretores dos diferentes países o trabalho junto às comunidades e grupos, para uma Igreja em saída. Veja o vídeo aqui.

Por: POM Brasil.

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais