XX ELARNPJ: O Sínodo na realidade dos jovens latino-americanos

Publicado em 20 de novembro de 2019 Por Seja o primeiro a comentar!

 

Com o tema: “Os jovens:  somos terra sagrada e o agora de Deus”, teve início o Encontro Latino-Americano de Responsáveis Nacionais da Pastoral Juvenil, o XX ELARNPJ, que acontece em Lima-Peru, do dia 18 a 22 de novembro. Dom Nelson Francelino, Presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude está no encontro representando a Pastoral Juvenil do Brasil, que conta também com o jovem Lucas Galhardo, do Movimento de Schoenstatt, ex-integrante da Coordenação de Pastoral Juvenil Nacional, jovem sinodal, secretário para o Cone Sul.

No primeiro momento do encontro, foi feita uma recordação histórica dos encontros latino-americanos da Pastoral Juvenil. Com a inspiração bíblica de Joel 3,1 – “Depois disso, derramarei meu espírito sobre todos os homens, seus filhos….”, o encontro traz o caminho e a proposta da Pastoral juvenil latino-americana e caribenha enriquecida à luz do processo sinodal.

Lucas Galhardo, fez uma síntese sobre o Sínodo dos Jovens, realizado em outubro do ano passado, o jovem falou sobre a importância do documento e muito além disso, enfatizou que ele precisa chegar na realidade dos  jovens. Com base nesse momento, os participantes foram divididos em grupos para partilharem como estão implementando o jeito sinodal em seus países. Temas como: projeto de vida; acompanhamento; multiculturalidade dos jovens; jovens de outras denominações religiosas, ateus; preocupação com o Sínodo pan-amazônico, foram assuntos comuns entre as várias culturas.

Lucas Galhardo e o Assessor do Cone Sul abrem os trabalhos da tarde

A implementação dos ensinamentos do Sínodo da Juventude,  aponta um caminho de esperança principalmente nesse momento em que os jovens latino-americanos têm vivido várias situações de pavor e medo. Diante desses desafios, os jovens precisam ouvir o Espírito Santo que dará a cada um/uma o necessário para cumprir a missão, gerando a esperança e sendo sinal do amor de Deus, como o papa disse em sua mensagem ao XX ELARNPJ , “na América, continente da esperança, como em todo o mundo, os jovens são o agora de Deus. Pois seu Filho Jesus, que é a manifestação da sua bondade, caminha e permanece ao lado deles, e através de Jesus, o Pai continua nos falando a linguagem do seu amor”.

Durante as reflexões, os participantes disseram que para se auto compreender, os jovens precisam se aprofundar na missão da Igreja, aprofundar a sinodalidade do seu protagonismo, buscar o ponto em comum, seus desafios próprios e na sinodalidade buscar construir uma Pastoral orgânica.  A América Latina é um exemplo dessa sinodalidade em meio aos desafios comuns. É importante estarmos juntos, juntar forças.

Para concluir, os delegados da Pastoral Juvenil, enfatizaram que a vida de Cristo é beleza, alegria e jovialidade e que a juventude é uma “espécie” de sacramento do Cristo vive. E que a sinodalidade é um atributo essencial para uma Igreja em saída. O sínodo não terminou: o sínodo da juventude clama os jovens ao protagonismo e trouxe à juventude uma grande responsabilidade.

Da esquerda para direita: Rodrigo Fadul Andrade (REPAM), pe. Jorge Boran, Lucas Galhardo e Dom Nelson.

História: Encontros da Pastoral Juvenil Latino-americana

As reuniões de Responsáveis Nacionais da Pastoral Juvenil são convocadas pelo Departamento de Família, Vida e Juventude do Conselho Episcopal da América Latina (CELAM), e conta com a colaboração da Pastoral Juvenil Latino-Americana e do Arcebispado de Lima, o encontro também visa refletir sobre o sentido de ser discípulos missionários e sobre as realidades que os jovens latino-americanos vivem. São espaços de intercâmbio, reflexão, animação e coordenação que servem para aprofundar aspectos da proposta como: definir linhas de ação comuns; apoiar o trabalho das Comissões Nacionais de Pastoral Juvenil além de fortalecê-la como construtora a Civilização do Amor. Até o momento, foram organizadas 19 Reuniões Internacionais nos quase 50 anos de estrada percorrida pela Pastoral Juvenil no continente latino-americano.

Curiosidades sobre o XX ELARNP

“Eu sou de Cristo e Ele vive!” esse é o título do Hino Oficial do XX ELARNPJ.

“É hora de começar, perder o medo e anunciar, é hora de sair e iniciar sua missão”, esse trecho faz parte da canção composta por Erick Trujillo Sante, 22 anos, estudante de engenharia de sistemas. O jovem  competiu com outros participantes da Pastoral Juvenil da Região Andina (Bolívia, Colômbia, Equador e Peru). O hino foi inspirado no lema “Os jovens são terra sagrada, o agora de Deus”, e para Erick era uma oportunidade de  “dizer aos jovens de nossa região que Deus está sempre presente em suas vidas”, explicou.

Foram recebidas seis propostas de hinos para o concurso de hino do XX Encontro Latino-Americano de Responsáveis Nacionais da Pastoral Juvenil. Um júri composto por músicos renomados da região decidiu dar a vitória à música “Ele vive”. “Nada no caminho pode impedi-lo, você somente deve ir, é hora de gritar! Eu sou de Cristo e Ele vive!”, Diz outra parte da música tocada por Elizabeth Quiñones Enciso e Licky Moreno. A gravação do hino foi possível graças ao apoio altruísta dos membros da comunidade da paróquia de La Buena Nueva, em San Juan de Lurigancho, em Lima, Peru.

Por redação Jovens Conectados, com informações do Vatican News e Dom Nelson Francelino

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais