Por que existe o Dia Nacional da Juventude?

Publicado em 25 de outubro de 2020 Por Seja o primeiro a comentar!

O Dia Nacional da Juventude (DNJ) surgiu em 1985, quando a ONU criou o “Ano Internacional da Juventude”. A CNBB em sintonia com a ONU criou o Dia Nacional da Juventude como uma atividade permanente nas dioceses do Brasil.

Essa atividade permanente (DNJ) tem como objetivo unir as expressões juvenis para celebrar a vida das juventudes. Essa data é celebrada no terceiro domingo do mês de outubro, junto com o Dia Mundial para as Missões.

O DNJ é organizado em três momentos: antes, durante e depois:

  • Antes: é produzido um subsídio cujo o tema é sempre ligado a Campanha da Fraternidade daquele ano. O subsídios trás alguns encontros preparatórios para os jovens em suas paróquias aprofundarem o tema proposto.
  • Durante: no dia marcado pela diocese os jovens se reúnem em torno do seu Pastor (Bispo) para celebrar a vida. Muitas dioceses aproveitam esse dia para realizar uma manhã de missão porta a porta, shows, vigílias, etc.
  • Depois: os jovens voltando para os seus grupos nas paróquias continuam a missão de refletir e colocar em prática tudo que foi aprofundado e celebrado.

Nesse ano de 2020, o tema do DNJ é “Fraternidade e vida: Dom e compromisso”. O desejo da Igreja é que os jovens como protagonistas da própria história e como cristãos possam assumir a vocação de discípulos e missionários de Jesus Cristo para que o Evangelho possa chegar nos corações de tantos jovens que sofrem. Jovens que vivem em condição de marginalidade e descaso pela sociedade.

Para ajudar a refletir sobre esse tema o Padre Denis em conjunto com os jovens do Santuário – Virgem dos Pobres (Caieiras-SP) lançou um clipe “Pra onde foram os bons?”  onde mostra a realidade de tantos jovens e moradores de ruas que precisam ser amados.

Importante lembrar que os DNJs são celebrados ao longo do segundo semestre (setembro até dezembro) de acordo com as realidades das dioceses do Brasil. Isso favorece para o fortalecimento da Evangelização da juventude. Nesse ano 2020, por causa da pandemia, os jovens estão celebrando virtualmente, porém as ações de solidariedade continuam acontecendo em todas as dioceses do Brasil.

Bendito seja Deus por tantas mãos de jovens que faz com que o Reino de Deus possa crescer sempre mais.

Por Pe. Antonio Ramos do Prado,sdb – Assessor Externo da CEPJ da CNBB.

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais