PJE promove a Assembleia do Regional Sul 1 da CNBB

Publicado em 28 de Abril de 2017 Por Seja o primeiro a comentar!

No dia 21 de abril, a Pastoral da Juventude Estudantil (PJE) realizou a Assembleia do Regional Sul 1 da CNBB. O encontro ocorreu na Paróquia Nossa Senhora da Expectação, Região Episcopal Brasilândia, Arquidiocese de São Paulo, e contou com jovens das dioceses nas quais a PJE está organizada.

As atividades foram divididas entre manhã e tarde. Pela manhã, os jovens acolheram Dom Carlos Lema Garcia, bispo referencial da Pastoral para o Ensino Religioso do Regional Sul 1 e responsável pelo Vicariato Episcopal para a Educação e a Universidade da Arquidiocese de São Paulo, que colaborou com os jovens pensando ações pastorais de identificação com a juventude estudantil e com os professores. O Pe. Roberto Fernando de Lacerda, referencial do Setor Juventude da Arquidiocese de São Paulo (SEJUSP), destacou a importância dos jovens se articularem a partir do SEJUSP para expandir as ações da pastoral. O Pe. Carlos Ribeiro, que foi anfitrião do encontro, partilhou a experiência quando lecionou em colégios da região noroeste da capital paulista. Já o. Pe. Fabrício Moraes e Leandro Silva (leigo), assessores da PJE da Região Episcopal Brasilândia, destacaram a importância de identificar os professores que são catequistas nas comunidades para a partir deles criar uma corrente que permita à PJE dialogar com as unidades de ensino, esclarecendo os objetivos para então articular ações entre jovens e professores.

A atividade foi acompanhada pelas irmãs Filhas de Maria Auxiliadora, as religiosas salesianas, Fabiana Cavalcante e Cláudia Ribeiro, sendo a Ir. Cláudia a atual assessora da PJE no Regional Sul 1. Elas destacaram a importância de escutar os jovens, pois são eles quem podem apontar o que esperam e o que pretendem com a PJE. “A fase é curta, por isso é necessário estarmos atento ao projeto de vida deles. A Pastoral deve estar em seu projeto de vida”, enfatizou Ir. Cláudia.

Já no período da tarde, os jovens compreenderam a estrutura e organização da PJE em uma apresentação conduzida pelo coordenador estadual, Pedro Ramos, da Diocese de São José dos Campos. E antes de indicarem os nomes dos jovens que irão representar o regional na Assembleia Nacional da Pastoral, os jovens expressaram um ponto do que acreditam que a PJE significa. Para Lucas Dantas, Região Episcopal Brasilândia, a Pastoral se dedica a favorecer o protagonismo da juventude estudantil, para serem atuantes e decisivos nas realidades educacionais, propondo alternativas e buscando novas perspectivas de desenvolvimento de suas comunidades por meio da educação. O encontro encerrou com a indicação dos jovens Lucas Dantas, da Arquidiocese de São Paulo, e Davi Dias, Diocese de São José dos Campos, para representarem o Estado de São Paulo na Assembleia Nacional da PJE, que será em julho na cidade de Guaratinguetá (SP), e na mesma ocasião em que a Pastoral da Juventude Estudantil irá celebrar 35 anos.

Textos e fotos: Leandro Silva

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais