Peregrinação da Cruz e Ícone Nossa Senhora na Diocese de Barra do Garças (MT)

Publicado em 31 de julho de 2012 Por Seja o primeiro a comentar!

botefe_barra_garcas_sangradouro

Foi impressionante como cada pessoa, sobretudo os jovens das diversas realidades juvenis, se identificaram com o que estava acontecendo. Nas comunidades indígenas a alegria e irreverência foram fortemente percebidas e experimentadas por todos com homenagens, encenações, danças e músicas.

A juventude ficou envolvida por toda a dinâmica dos símbolos que foram pelas paróquias de General Carneiro (Senhor Bom Jesus), São Francisco de Assis, Nossa Senhora Auxiliadora, Santo Antônio e Nossa Senhora da Guia, catedral diocesana de Barra do Garças. A Cruz e o Ícone seguiram para as paróquias Nossa Senhora Aparecida (Pontal do Araguaia), Nossa Senhora da Piedade (Araguaiana), Nossa Senhora das Graças (Nova Xavantina), Nossa Senhora Aparecida (Água Boa) e Nossa Senhora Auxiliadora em Canarana.

Nos diversos lugares a Cruz e Ícone de Nossa Senhora passaram, eles foram muito bem acolhidos pelos jovens. A Pastoral da Juventude mostrou-se bem articulada e envolvida com a JMJ na diocese. A forte expressão dos grupos de base da PJ deu tranquilidade e confiança na juventude.

Após a passagem da Cruz e Ícone de Nossa Senhora já se percebe também um despertar vocacional, jovens interessados na vida sacerdotal. Isso se dá pela forte ligação dos Símbolos com a pessoa do Beato João Paulo II. Agora os trabalhos serão mais intensos, pois os jovens sentem-se realizados e muito animados para se comprometer.

Por padre Vidal da Cunha Silva
Assessor Diocesano e Referência da PJ
Guardião da Cruz e Ícone de Nossa Senhora

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais