Fé e protagonismo florescendo o sertão

Publicado em 26 de dezembro de 2016 Por 1 Comentário

“Eu quero ver um novo tempo florescer e a gente reaprender a cultivar o amor”
Hino DNJ Tejuçuoca 2016

DNJ Tejuçuoca 2016

DNJ Tejuçuoca 2016

Há muito o Dia Nacional da Juventude anima e mobiliza as juventudes da Diocese de Itapipoca para celebrar sua vida e missão junto aos grupos jovens e comunidades. São 30 anos de realização no Brasil e 20 anos em nossa Diocese; uma história bonita de participação e engajamento pastoral que nunca para de dar frutos e a cada ano reforça a criticidade e a atuação dos jovens na igreja e na sociedade.

DNJ Tejuçuoca 2016

O DNJ 2016 trouxe como tema “Juventude e Nossa Comum”, norteado pelas reflexões de Papa Francisco na Encíclica Laudato Si e pela Campanha da Fraternidade Ecumênica deste ano. No anseio de “criar novo céu e nova terra”, como nos iluminou Isaias 65,17, fomos provocados a perceber os sinais de vida e de morte presentes em nossas realidades cotidianas, a renunciar a Cultura do Descarte que desumaniza o ser humano em nome da ganância e olhar com misericórdia para a Criação de Deus, da qual somos parte e guardiões. Em sintonia também com o Ano Mariano e o Jubileu e 300 anos de Bençãos de Nossa Senhora Aparecida, rezamos a vida e o exemplo de Maria, mãe do Salvador e nossa. Esta edição, na Diocese de Itapipoca, foi a segunda realizada com a articulação do Setor Juventude, que vem ampliando o engajamento das pastorais, movimentos e serviços que atuam direta ou indiretamente com a dinâmica juvenil, dentro da 1ª urgência do Plano Diocesano de Pastoral, Igreja em Estado Permanente de Missão. Em 2016, contamos também com ganhos na participação e apoio da Cáritas Diocesana, Pastoral Vocacional, COMIDI e COMIPAs, além de padres, diáconos, religiosas e seminaristas que acreditam e incentivam o trabalho com a juventude.

DNJ Tejuçuoca

DNJ Tejuçuoca

A preparação

Caminhos distantes nos levaram a Tejuçuoca, terra missionária e profética, casa de gente forte e aguerrida, do Mestre que faz morada nas juventudes apaixonadas e servidoras de cada comunidade. O desejo por acolher a maior celebração juvenil da Diocese era grande, assim como os desafios em realizá-la, o que não os impediu de arregaçar as mangas, vender qualquer obstáculo e desempenhar um trabalho histórico, de valor inestimável para eles e para todos os que lá estiveram. Ao abraçar o DNJ, os jovens da Paróquia São Pedro ganharam também a oportunidade de fortalecer sua identidade e ação pastoral por ocasião das formações preparatórias, realizadas pela Coordenação Diocesana da Pastoral da Juventude de julho a setembro, em quatro comunidades-sede, abrangendo grande parte das comunidades paroquiais. Foram momentos únicos de formação, reza e partilha de dons e expectativas, essenciais para motivar o engajamento dos grupos no serviço de preparação do Dia Nacional da Juventude.

A partir de setembro, através da organização do Setor Diocesano da Juventude, grupos de diversas expressões juvenis como Movimento Eucarístico Jovem, Juventude Missionária, Shalom, Grupos de Oração, Cáritas e PJ também entraram na roda, participando de estudos do subsídio, desenvolvendo ações de pesquisa e conscientização socioambiental, realizando missões jovens, vigílias e os Pré-DNJs a nível paroquial ou forâneo.

DNJ Tejuçuoca 2016
A celebração

O dia festivo não poderia começar sem uma verdadeira e bonita acolhida dos jovens paroquianos que tão bem receberam as caravanas das mais diversas terras de nossa Diocese. Não faltou animação, partilha, reza e o olhar atento à caminhada, tomando de energia as ruas do centro da cidade, guiada pela mãe Aparecida, que puxava o cordão conduzida pelos pescadores e pelo vaqueiro, representações da história de como Nossa Senhora Aparecida foi encontrada no Rio Paraíba do Sul em 1717, e do povo que resiste com garra nas quebradas do sertão. Podia-se ver claramente uma terra sofrida, banhada pela seca, mas com um povo rico em fé e esperança.

Ao chegar na Escola Dep. Fernando Mota, local da celebração, não somente jovens, mas também crianças, adultos e idosos se reuniram sob o olhar de nosso Bispo Diocesano, Dom Antônio Roberto Cavuto, para viver uma linda e admirável missa, onde os movimentos juvenis estiveram irmanados e unidos em uma liturgia riquíssima com sabor de Igreja Jovem. Logo após, a festa proporcionada pelo Festival das Juventudes alegrou ainda mais a noite, através da arte que anima o dia a dia dos grupos e faz refletir sobre nossa responsabilidade de cuidar da Casa Comum, homenageando também Maria, pelo seu exemplo de discípula missionária, mãe e mulher. Momentos singulares que enchem o coração de gratidão e certeza de que vale a pena crer e possibilitar às juventudes vez, voz e lugar.

DNJ Tejuçuoca 2016

Não é tarefa simples cuidar uns dos outros e das relações que estabelecemos com nosso planeta, mas nunca é demais regar a esperança de uma vida mais justa e sustentável com conhecimento, que por sua vez gera organização, compromisso e mudança de hábitos. Assim, percorremos um caminho longo de estudo e conscientização, despertar vocacional e engajamento pastoral, um processo que se iniciou ainda em julho, teve seu ponto alto no dia 13 de novembro e continua a iluminar muitas realidades. O próximo DNJ acontece em outubro de 2017 na Paróquia São Francisco de Assis em Itapajé, até lá sigamos firmes nos passos de Jesus, rompendo barreiras e fazendo florescer no coração da juventude a certeza de um outro mundo possível, onde tenhamos vida em abundância como nos prometeu nosso Senhor.

DNJ Tejuçuoca 2016

Por Gelmo Sousa e Edson Narciso

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

1 Comentário para “Fé e protagonismo florescendo o sertão”

  1. Gabi Dkicher disse:

    Estou ansiosa VEM JDJ 2019

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais