Cabo Frio (RJ) recebe símbolos da JMJ

Publicado em 27 de maio de 2013 Por 1 Comentário


No domingo (26) a cidade de Cabo Frio, na Região dos Lagos (RJ), acolheu os símbolos da Jornada Mundial da Juventude (JMJ). Mais de duas mil pessoas, a maioria jovens, participaram de um dia de oração e louvor na praça Porto Rocha, durante a realização do Bote Fé Cabo Frio. O evento abriu a peregrinação da Cruz e do ícone de Nossa Senhora pelo Vicariato Lagos.

O início da festa foi logo pela manhã, com louvor, testemunhos e pregação. Ao meio dia, os jovens puderam experimentar um encontro com a Mãe Santíssima, através da oração do Ângelus. Em seguida, teve adoração ao Santíssimo Sacramento, conduzida pelo padre Alexandre Filipe (padre Kiko), pároco da Igreja São Vicente de Paulo, Araruama, que motivou os jovens a rezarem pelas vocações e pelo Papa Francisco.

O funcionário público Ivan Rui de Souza, que participou do evento com a esposa e os dois filhos, partilhou a alegria de celebrar a chegada dos símbolos com a família. “Tive a oportunidade de criar meios filhos na Igreja desde crianças. A recompensa que tenho hoje é a tranqüilidade e a confiança neles. Estar aqui, recebendo a Cruz e o ícone da Virgem Santíssima, e me preparando junto com eles para a JMJ, é motivo de alegria e emoção”, comentou.

À noite foi celebrada a Santa Missa, presidida pelo arcebispo emérito de Niterói, Dom Alano Maria Pena, que convidou a juventude a estar com o coração sempre em Deus. “O jovem sem Cristo, ele é sinistro. Mas o jovem com Cristo, ele é muito maneiro”, disse. O arcebispo emérito motivou os jovens a reacenderem a chama em Cristo. “O Papa Francisco vai abraçar seus filhos. Os olhos do mundo estarão na juventude reunida no Rio de Janeiro, para semear, fortalecer, reacender a chama dessa certeza. Juventude de Cristo, o senhor estar com a chama acessa e quer regimentar o coração de vocês”, destacou.

Após a missa, os jovens saíram em procissão com os símbolos pelas ruas do centro de Cabo Frio. Em seguida, eles retornaram à Praça para o show da Banda Dominus, que encerrou a programação do Bote Fé. “Eu me emocionei muito acompanhando a Cruz. Pude sentir, pela fé, tantas vozes pedindo libertação, força e paz. Nunca mais vou esquecer esse dia”, declarou Carlos Lima, de Saquarema.

Após o show, os símbolos foram levados para Búzios, onde passaram a noite em vigília com dependentes químicos da região. Na segunda-feira, os símbolos saíram em carreata pelas cidades do Vicariato Lagos. Nesta terça-feira, dia 27 de maio, eles serão levados para São Gonçalo.

Arquidiocese de Niterói
Desde o dia 19 de maio, os símbolos da JMJ percorrem a Arquidiocese de Niterói, visitando os vicariatos da região. Eles já foram acolhidos pelos jovens dos vicariatos Niterói, Alcântara, Rural e, agora, Lagos. A peregrinação pela Arquidiocese prossegue até domingo, dia 01 de junho, e passará pelos Vicariatos São Gonçalo e Oceânico. Depois, os símbolos serão entregues para a Diocese de Caxias.

No último sábado, dia 25 de maio, os símbolos se despediram do Vicariato Rural com um grande show na praça principal da cidade de Rio Bonito. Na ocasião, foi celebrada uma missa Campal, seguida de shows com a banda Missionário Shalom  e o cantor Tony Alisson.

Por Rocélia Santos
Colaboração e fotos: Rita Vasconcelos e Padre Ricardo Mota (Arquidiocese de Niterói)

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais