Participação recorde de jovens cubanos na JMJ Panamá

Publicado em 12 de setembro de 2018 Por Seja o primeiro a comentar!

Papa Francisco visitou Cuba em 2015, dando novo ardor missionário para a igreja local

A participação dos jovens na JMJ deverá ter “um efeito multiplicador e um impacto direto nas atividades de evangelização” da Igreja cubana.

Mais de quatrocentos jovens cubanos participarão da Jornada Mundial da Juventude no Panamá (22 a 27 de janeiro de 2019). Para a Igreja cubana, trata-se de uma presença recorde neste grande evento.

“Trata-se da maior participação da Ilha neste encontro que reúne milhares de jovens do mundo e no qual poderão, pela primeira vez, compartilhar e trocar experiências sobre o testemunho do Evangelho e o amor de Deus.

O comunicado divulgado pelo Comitê Organizador da Igreja cubana informa que os jovens já começaram a se preparar para o evento eclesial desde outubro e novembro de 2017, com a chegada da Cruz Peregrina e o ícone da Virgem Maria, símbolos da JMJ.

Dom Álvaro Veira, da Comissão Episcopal para a Pastoral da Juventude em Cuba, acredita que a participação dos jovens na JMJ terá “um efeito multiplicador e um impacto direto nas atividades de evangelização” da Igreja cubana.

No comunicado do Comitê Organizador Local, é precisado que os jovens cubanos da Pastoral da Juventude veem esta oportunidade de participar da JMJ como “Um presente de Deus”.

Ademais, os jovens compartilharam a videomensagem enviada pelo Papa Francisco em abril deste ano, onde os convidava a seguir sempre em frente, olhando em frente, amando sua terra e Jesus.

Por Vatican News

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais