O tempo de Deus!

Publicado em 17 de dezembro de 2019 Por Seja o primeiro a comentar!

O tempo do advento é um apelo para nós hoje: saber esperar.

Queremos resolver tudo rápido, fácil e eficiente. Com um clique. Afinal, com um clique compramos, falamos com pessoas distantes, descobrimos coisas novas, agendamos reuniões, viagens, férias (que nunca chegam…). E vem o advento, mostrando que o tempo de Deus é outro.

O tempo de Deus requer paciência, espera, vigilância. Pede discernimento, ou seja, tempo para pensar, avaliar, rezar e decidir com sabedoria qual a vontade de Deus para nossa vida, para as pessoas que amamos e que se tornam corresponsáveis ou participantes de nossas decisões.

Advento… tempo de espera, de exercitar a paciência, a capacidade de esperar com esperança, ou seja, na certeza de que a graça de Deus será abundante, no tempo certo.

Que o advento não seja apenas um tempo que passa, mas um tempo de “ginástica espiritual” para treinar nosso coração para ouvir o que o Senhor quer nos falar, quando e como Ele mesmo quiser.

Maria, na casinha pobre de Nazaré, soube ouvir e esperar o tempo de Deus. Desejou compreender, mas mesmo sem muitas garantias visíveis, soube confiar que no tempo certo, do jeito certo, Deus realiza suas maravilhas na vida de cada pessoa e na história da humanidade. Confiou, esperou e contemplou as maravilhas de Deus em favor da humanidade.

Seja o advento tempo privilegiado de aprender uma nova relação com Deus, com seu tempo, para adquirir a sabedoria do tempo e da experiência. Para nos reabastecermos de esperança, pois o Senhor vem, a cada um de nós, no tempo certo.

Por: Ir. Valéria Andrade Leal – Assessora nacional da Pastoral Juvenil – CNBB

 

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais