O que você conhece do Livro do Deuteronômio?

Publicado em 13 de setembro de 2020 Por Seja o primeiro a comentar!

Estamos em setembro, o Mês da Bíblia, época na qual a Igreja se dedica a evidenciar ainda mais da importância da Palavra de Deus na vida de todo cristão. Neste ano, somos chamados a aprofundar nosso conhecimento sobre o Livro do Deuteronômio a partir do lema “Abre tua mão para teu irmão” (Dt 15, 11) e a preocupação de promover a justiça, a solidariedade com os pobres, o órfão, a viúva e o estrangeiro. São leis humanitárias que nos ajudam a refletir sobre a realidade que vivemos hoje.

O Livro do Deuteronômio é citado nada mais nada menos do que 55 vezes no Novo Testamento – perdendo apenas para o Livro de Isaias e o Livro dos Salmos – mostrando como ele é importante para compreender também a missão de Jesus e a construção do Reino de Deus entre nós. A vivência da fé apresentada por Jesus é uma interpretação cristológica do Livro do Deuteronômio, que é o último livro do Pentateuco, ou Torá, como os judeus denominam este conjunto dos cinco primeiros livros da Bíblia.

Quase entrando na terra prometida, após a saída do Egito e todo o caminho pelo deserto, o povo hebreu está nas planícies de Moab. Moisés, em seus últimos dias, faz um total de discursos de despedida e de preparação para a entrada na terra prometida, o cumprir da Promessa, como uma catequese atualizada da Lei para que seja assimilada e interiorizada em novo contexto.

A própria palavra Deuteronômio vem do grego Deuteronomion, que significa “Segunda Lei”. Uma importante parte do Livro traz um retorno e interpretação do Código da Aliança (Ex 20-23), que inclui o Decálogo, ou seja, os Dez Mandamentos.

O Livro do Deuteronômio nos ajuda a refletir sobre a realidade atual, trazendo que não basta ver a realidade dos irmãos pobres e sentir piedade sem que hajam ações concretas, no “estender a mão ao irmão”. É um grito profético no qual Deus nos convida a escutar, ouvir a sua voz e a voz do irmão, de encontro com a própria pregação de Cristo, quando diz “Eu vim para que tenham vida, e a tenham em abundância” (Jo 10,10).

Neste Mês da Bíblia, traremos mais reportagens sobre o Livro do Deuteronômio. Acompanhe!

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais