Jovem estudante de Engenharia da Computação cria jogo de perguntas e respostas sobre o coronavírus

Publicado em 24 de abril de 2020 Por Seja o primeiro a comentar!

Lavar bem e constantemente as mãos, permanecer em casa o máximo que puder e, se precisar sair, respeitar o distanciamento social mínimo de 1,5 a 2 metros. As medidas de prevenção ao novo coronavírus e a outras doenças respiratórias só salvarão vidas caso chegue de maneira clara à sociedade. E se o caminho percorrido pela informação for divertido melhor ainda.

Pensando nisso, Maurício Lima, de 22 anos, membro da Pastoral da Juventude do Meio Popular (PJMP) da Arquidiocese de Olinda e Recife, desenvolveu um jogo gratuito de perguntas e respostas sobre o vírus e a doença causada pelo agente patológico, Covid-19. No quiz (desafiocovid.com), o jogador é desafiado a responder pelo celular ou computador se as afirmações sobre o tema são falsas ou verdadeiras no menor tempo possível.

“Sabendo que há muitas notícias sobre o novo coronavírus, então decidimos construir algo que filtrasses as informações verdadeiras e as entregassem a população de um jeito alternativo. Entendemos que levar a informação com responsabilidade é o início de todo o processo de prevenção”, afirma.

Lima, que é estudante de engenharia da computação da UPE, explica que a ideia do “Desafio Covid-19: Fake ou News” foi desenvolvida com a ajuda do designer Davi Pradines, especialista em UX (experiência do usuário), sem apoio empresarial. Devido ao sucesso do game – jogado mais de 3.000 vezes em uma semana – o quiz será incrementado com duas novas fases.

Por causa dessa ampliação, foram integrados à equipe de desenvolvimento as mestrandas de estudo da linguagem pela UFRPE, Paula Rokey e Istarlet Melo, que ficarão responsáveis pela produção e revisão do conteúdo. O professor e mestrando em ensino da ciência pela UFPE, Lucas Fialho também participará da curadoria das novas informações que serão incorporadas ao game.

“Desafio Covid surgiu como uma alternativa de utilizar minhas habilidades profissionais para o bem coletivo. Como jovem católico e periférico aprendi que a união entre as pessoas, principalmente em momentos difíceis como este, é um grande sinal do amor ao próximo”, afirma Lima.

>> Clique aqui e jogue Desafio Covid-19: Fake ou News.

da redação com informações da Pastoral da Juventude do Meio Popular (PJMP)

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais