JM do Maranhão celebra caminhada com formação estadual

Publicado em 3 de julho de 2015 Por Seja o primeiro a comentar!

0 0 0 0 0 maranhao

“Espiritualidade que olha o mundo”. Com esta temática a Juventude Missionária (JM) do Maranhão realizou entre os dias 19 e 21 de junho o Encontro Estadual de Aprofundamento. Reunidos na cidade de Bacabal, sede da diocese, 25 coordenadores diocesanos e de grupo debateram sobre a espiritualidade e o carisma da JM frente às novas urgências para a evangelização.

O secretário nacional da Obra Missionária da Propagação da Fé, Guilherme Cavalli, comentou que o encontro serviu para clarear as urgências da JM como organismo de evangelização das juventudes. “A troca de experiência proporcionada pelas rodas de conversa possibilitou construir um conhecimento em comum. Momentos como estes são muito ricos, pois auxiliam na construção de materiais e no mapeamento das urgências”, ressaltou Guilherme. “Tendo em vista os 10 anos da JM e o material da Jornada do Jovem Missionário que está sendo lançado mensalmente, ouvir os jovens é essencial para que as propostas venham de encontro as suas realidades”.

“A partir da formação compreendemos a necessidade de sermos uma juventude ativa. Se não nos preocuparmos com as diversas realidades das juventudes, pouco estaremos sendo missionários”, comentou Alano Moraes, coordenador do grupo de Itapecuru-Mirin. Para ele, a formação trouxe pistas de como a JM deve buscar sua vida de grupo. “Durante o final de semana construímos métodos de ação que irão auxiliar os grupos a viverem a missão de discípulos missionários de Jesus”.

No domingo durante a celebração eucarística, padre Luis Portela reforçou a necessidade dos jovens missionários buscarem o encontro pessoal com Jesus. “O discipulado nasce do encontro e quando bem feito, possibilita que o jovem encante-se por Jesus. Assim não iremos balançar diante outras propostas. Ser apaixonado por Jesus nos leva a rompermos barreiras, ajudar os necessitados, ter uma visão sempre além do nosso eu”, comentou o padre que é assessor da JM e IAM na diocese de Bacabal.

Por Comunicação JM 

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais