CPJN e a Equipe Jovem de Comunicação fazem avaliação e planejamento em reunião em Brasília

Publicado em 28 de maio de 2018 Por Seja o primeiro a comentar!

Coordenação da Pastoral Juvenil Nacional (CPJN) e a Equipe Jovem de Comunicação, que fazem parte da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude (CEPJ) se reuniram no Colégio Dom Bosco, em Brasília-DF, dos dias 25 a 27 de maio para discutir o trabalho realizado nos últimos meses e planejar os próximos eventos previstos em calendário, com destaque para o julho das juventudes, Projeto Ide e o XV Sínodo 2018. O evento teve a orientação do Pe. Antônio Ramos do Prado, assessor nacional da Juventude.

Os jovens foram acolhidos na noite de sexta-feira, dia 25, com a apresentação dos membros e, na sequência, com uma mensagem do presidente para Comissão Episcopal para Juventude, Dom Vilsom Basso, SCJ, bispo de Imperatriz (MA), que não pôde estar presente com as lideranças, mas deixou um recado aos participantes sobre a importância da CEPJ. “Nós somos a voz da juventude em todas as instâncias da Igreja. Buscamos em todos os espaços trazer a reflexão sobre os jovens. É o nosso papel e o fazemos como muito amor dedicação”, afirmou ele.

E para os que estavam reunidos para o encontro, esse momento junto é importante não só para discutir os projetos futuros, mas também de convivência com os que trabalham neles. “Essa experiência só nos enriquece, pois podemos celebrar aquilo de bonito que a nossa Igreja tem que é a unidade de um com o outro e principalmente com Cristo, que é quem nos aproxima”, disse Ana Stella Fernandes, representante das Novas Comunidades na CPJN (Coordenação da Pastoral Juvenil Nacional), que pertence à Comunidade Doce Mãe de Deus.

Os grupos tiveram momentos de trabalho em conjunto e também momentos em que cada equipe se reuniu para discutir as demandas. Em destaque, foram colocados em pauta a organização da Semana Missionária, que deverá acontecer na última semana de julho por todo o Brasil e os cinco eixos de formação do Projeto Ide.

Ainda durante o encontro, os jovens que estiveram na reunião pré-sinodal em Roma, Juliene Barros, participante do movimento Milícia da Imaculada e membro da Equipe Jovem de Comunicação – Jovens Conectados, Davi Rodrigues (Secretário Nacional da PJ e representante das Pastorais da Juventude na CPJN), e Ariany Leite (Juventude Missionária Redentorista e representante das congregações religiosas na CPNJ), partilharam a experiência com os demais membros da equipe, que puderam sentir a importância do protagonismo dos jovens nas discussões de problemas sociais e de políticas públicas no mundo todo.

O encontro terminou no domingo (27) pela manhã, com todos os encaminhamentos para as atividades planejadas durante o final de semana.

Semana Missionária – Missão Jovem 2018

Dando continuidade às propostas do ano do laicato, foram discutidos os planos de ações para a Semana Missionária da Missão Jovem 2018, que deverá ser projetada por cada setor juventude das dioceses do Brasil ou pelas próprias expressões.

A proposta é que sejam feitas missões na última semana do mês de julho ou durante o mês de outubro, que é o mês missionário.

“O projeto acontece em parceria com a Comissão Especial para o Ano do Laicato, que convida todos os setores da Igreja a viverem intensamente esse momento do ano do laicato, de Igreja em saída, a partir da motivação do Papa Francisco”, afirmou Pe. Antônio Ramos do Prado.

O subsídio para a organização de cada diocese está sendo disponibilizado na Edições CNBB.

Projeto Ide

Durante a reunião também foram discutidos os próximos passos para o Projeto Ide, que também dialoga com a motivação do Papa Francisco, de uma Igreja em saída.

Com os cinco eixos estabelecidos em 2017 (missão, formação, estruturas de acompanhamento, ecologia e políticas públicas), a proposta agora é trabalhar com cada diocese e expressão juvenil estes eixos, tendo a preocupação de que todos eles sejam colocados em prática.

Novos cursos EAD da CEPJ estão sendo desenvolvidos, complementando a proposta de formação do Projeto Ide de capacitar os jovens e adultos para trabalharem estas questões do projeto em suas dioceses e expressões.

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais