III Semana do Advento: Ter esperança nas pessoas!

Publicado em 15 de dezembro de 2019 Por Seja o primeiro a comentar!

Ter Esperança nas pessoas. Em sua primeira carta, São João afirma que aquele que diz amar a Deus mas que não ama seu irmão, é um mentiroso (1 Jo 4,20). Amar o outro é para nós um mandato, é a forma de sermos reconhecidos como discípulos de Jesus (Jo 13,35). E neste ato de amar, deve estar sempre presente a esperança de que em cada pessoa está um centelha do amor de Deus.

Santa Dulce dos pobres, que em sua juventude quis se ofertar totalmente a Deus e aos outros,  soube amar, acolher e, ainda mais, ter esperança nas pessoas. Dizia ela: “No coração de cada homem, por mais violento que seja, há sempre uma semente de amor prestes a brotar”. Esta esperança nas pessoas sempre marcou a história do “Anjo Bom da Bahia”. Ainda como jovem religiosa, empreendeu seu tempo e suas forças para resgatar a dignidade daqueles que não enxergavam o grande dom de suas vidas.

Motivados pelo testemunho de Santa Dulce, queremos nesta semana apresentar dois propósitos, que semearão em nossos coração a esperança nas pessoas, sobretudo aquelas que convivem conosco diariamente: o primeiro, Perceber e elogiar as virtudes do outro, como forma de reconhecer o que de bom podem nos ofertar as pessoas; o segundo, Rezar por alguém que se encontra desanimado na fé e na esperança, como forma de interceder por aqueles que se encontram necessitados de auxílio.

Em 1932, Irmã Dulce entrou para a Congregação das Irmãs Missionárias da Imaculada Conceição da Mãe de Deus Foto: Acervo Osid / BBC News Brasil

Nesta terceira semana, por meio destes simples exercícios, seremos levados a ver os outros com o olhar de Deus, com o olhar do Cristo que quis ser um de nós e que afirma nossa grande e real identidade: Somos filhos de Deus, feitos a sua imagem e semelhança!

Por Maurício Lucena, da Redação do Jovens Conectados.

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais