Sub-região Campinas (SP) realiza reunião sobre Setor Juventude

Publicado em 17 de maio de 2012 Por Seja o primeiro a comentar!

Estavam no encontro os bispos dom Vilson Dias de Oliveira (Diocese de Limeira), presidente do Sub-Regional, dom Fernando Mason (Diocese de Piracicaba), dom Pedro Carlos Cipolini (Diocese de Amparo), dom Sérgio Aparecido Colombo (Diocese de Bragança Paulista), dom Airton José dos Santos (Arquidiocese de Campinas) e dom Paulo Sergio Machado, (Diocese de São Carlos), além de presbíteros coordenadores diocesanos de pastoral e ainda leigos e padres ligados ao Setor Juventude.

A partir do documento 85 da CNBB,  “Evangelização da Juventude – desafios e perspectivas”, dom Eduardo destacou os últimos acontecimentos que marcaram a caminhada da Igreja no Brasil em sua opção pela juventude, a organização da Comissão para Juventude, os futuros eventos que acontecerão, como a Campanha da Fraternidade do próximo ano que terá como tema “Fraternidade e Juventude” e a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) no Rio de Janeiro também em 2013, como oportunidade para fortalecer essa opção eclesial.

Dom Eduardo destacou que se tratava de “um resumo de tantas coisas que estão acontecendo pelo Brasil que mostram que, mesmo que nem sempre conseguimos dar todas as respostas a tantos desafios, a Igreja tem feito uma opção muito clara e forte pela juventude, e isso precisa ser espalhado, divulgado… Os jovens precisam sentir que são acolhidos pela Igreja”.

O bispo também apresentou, em síntese, como está articulado o Setor Juventude, lembrando que “o Setor Juventude foi pensado como instância diocesana, como mecanismo propício para reunir todas as várias expressões de trabalho com a juventude na diocese”.

Ao final do encontro, houve alguns esclarecimentos sobre o que está acontecendo em relação à preparação da JMJ, em especial à Semana Missionária que acontecerá nas dioceses antecedendo a jornada. Dom Eduardo destacou o papel fundamental que as dioceses desempenharão nesse processo, que é de sensibilização e de um olhar especial para a juventude, e lembrou que “esse momento é um momento do Espírito Santo, um presente que não podemos perder, que talvez não tenhamos outro momento de tanta visibilidade da juventude no cenário da Igreja no Brasil”.

Esta reunião foi preparada por encontros anteriores que aconteceram nas dioceses, quando se fez um levantamento das ações, iniciativas e desafios que temos relacionados ao Setor Juventude.

 

Por Antônio Aparecido Caetano Lima – Sub-região Campinas

 

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais