Setor Juventude da Arquidiocese de Niterói promove formação e lazer para lideranças

Publicado em 28 de abril de 2014 Por Seja o primeiro a comentar!
Momento de lazer e formação para os jovens do Setor Juventude de Niterói

Momento de lazer e formação para os jovens do Setor Juventude de Niterói

Tempo especial de oração e muito lazer. Assim podem ser resumidos os três dias da Convivência de Lideranças, promovida pelo Setor Juventude da Arquidiocese de Niterói, no estado do Rio de Janeiro. O evento aconteceu entre 21 e 23 de abril (segunda a quarta) e contou com 160 pessoas de paróquias de toda Arquidiocese, que abrange 14 municípios. Na programação, Santa Missa, confissão, palestras e esportes, com um objetivo: formação e integração dos jovens.

A convivência acontece, anualmente, e é voltada a pessoas que desempenham alguma função de liderança no trabalho juvenil. Este ano, o evento foi realizado na Paróquia de São José, na cidade de Niterói, e começou com Santa Missa, presidida pelo arcebispo de Niterói Dom José Francisco Rezende, e concelebrada por diversos padres. Na Homilia, o arcebispo falou sobre a alegria que nasce da ressurreição de Cristo e que deve ser anunciada pelos jovens. “Pelo mistério da morte e ressurreição de Jesus, nós encontramos essa verdadeira felicidade”, disse.

À tarde, foi feita uma dinâmica para que os jovens pudessem se conhecer melhor, seguida de formação dada pelo padre André Luís Bastos Siqueira (assessor arquidiocesano do Setor Juventude), sobre a vida espiritual. Na palestra, o sacerdote lembrou a importância da oração diária e disse que três devem ser os pilares da vida espiritual: Sagrada Escritura, Eucaristia e Devoção Mariana “É preciso planejar a vida de oração e, muitas vezes, a falta de tempo é uma justificativa para uma vida de oração fraca e insuficiente para a santidade. É preciso se colocar na presença de Deus, porque é Ele que indica o caminho”, declarou o padre André. O primeiro dia contou ainda com adoração e palestra sobre a Pastoral Universitária.

O segundo dia de convivência começou com Santa Missa e, ao longo da manhã, as lideranças refletiram sobre aspectos da implantação do Setor Juventude, baseado no Documento 85 da CNBB (Evangelização da Juventude – Desafios e Perspectivas Pastorais). A tarde foi reservada ao lazer, com banho de piscina, trilha, esportes e festas, em um sítio.

No último dia, jovens participaram de formação sobre as características de um líder. A convivência terminou com a celebração da Santa Missa. “Ficamos muito felizes em ver o fruto da doação dos jovens. Foi muito bom ver a integração entre eles, as palestras e a diversão nesses dias de convivência. Esperamos que os jovens estejam cada vez mais unidos para que possamos ir ao encontro dos que precisam”, disse Bruno Pacheco, coordenador do Setor Juventude, no Vicariato Oceânico.

Por: Beatriz Salomão

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais