#RádioConectado: Começa o Ano da Misericórdia

Publicado em 10 de dezembro de 2015 Por Seja o primeiro a comentar!

Para baixar o arquivo clique aqui. O uso é livre desde que os créditos sejam mantidos.

O Papa Francisco abriu na terça-feira, dia 8, o Jubileu extraordinário da Misericórdia, o 29ª Ano Santo vivido na história da Igreja. O Santo Padre presidiu na Praça São Pedro a Santa Missa da Solenidade da Imaculada Conceição.

Na homilia, Francisco destacou que o gesto “altamente simbólico” da abertura da Porta Santa da Misericórdia acontece à luz da Palavra de Deus escutada na liturgia do dia, que evidenciou a primazia da graça, que envolveu a Virgem Maria, tornando-a digna de ser mãe de Cristo.

O Papa disse ainda que a festa da Imaculada Conceição exprime a grandeza do amor divino. Como ele destacou: “Deus não é apenas Aquele que perdoa o pecado, mas, em Maria, chega até a evitar a culpa original, que todo o homem traz consigo ao entrar neste mundo. É o amor de Deus que evita, antecipa e salva”.

Francisco destacou também que este Ano Santo Extraordinário é dom de graça e entrar pela Porta Santa significa “descobrir a profundidade da misericórdia do Pai” que a todos acolhe e vai pessoalmente ao encontro de cada um.

Ao final da Missa, o Papa Francisco dirigiu-se à Porta Santa da Basílica de São Pedro. Após uma breve oração, subiu os degraus em silêncio e com três toques abriu a Porta Santa, dando início ao Ano da Misericórdia.

O Pontífice foi o primeiro a atravessar a Porta Santa, seguido pelo Papa emérito Bento XVI e pelos demais concelebrantes, outros sacerdotes, religiosos e por alguns fiéis.

Francisco dirigiu-se ao Altar da Confissão no interior da Basílica de São Pedro e concluiu a Santa Missa com uma oração e sua benção apostólica.

Para acessar o texto completo, clique aqui.

 

Papa Francisco abre Porta Santa e dá início ao Ano da Misericórdia

Papa Francisco abre Porta Santa e dá início ao Ano da Misericórdia

 

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais