PJMP promove Escola Nacional de Formação

Publicado em 24 de abril de 2015 Por Seja o primeiro a comentar!

images

Entre 29 de abril a 3 de maio, a Pastoral da Juventude do Meio Popular do Brasil (PJMP) se reúne em Fortaleza (CE), para a segunda edição da Escola Nacional de Formação José Adelar Nunes (ENFOJAN), homenageandoo Militante da PJMP “Adelarsão” como era carinhosamente conhecido. O mesmo iniciou sua militância na cidade de Videira, Meio-Oeste de Santa Catarina, na Pastoral, da qual sempre fez parte da direção estadual e, durante alguns anos, de instâncias nacionais.

A ENFOJAN tem como objetivo geral de promover a formação integral e sistemática de jovens da Pastoral da Juventude do Meio Popular (PJMP), a fim de capacitar e preparar quadros para atuarem na dinamização e articulação dos grupos de base, na promoção de ações que visem impactar positivamente em suas comunidades, tornando mais eficaz a ação evangelizadora e libertadora do protagonismo da juventude do meio popular nas instâncias de transformação social.

O público alvo são jovens entre 18 e 29 anos. A ENFOJAN contemplará 70 jovens (dois por diocese articulada, CN e CNA), 10 convidados e coordenação/Equipe Pedagógica, assessoria e Equipes de Trabalho. Os jovens serão indicados pelos estados, sendo contemplada a participação equilibrada de homens e mulheres.

A escola seguirá o método ver, julgar e agir, organizada em etapas para sua melhor vivencia e desenvolvimento. Portanto a ENFOJAN 2015 terá três etapas durante o ano. O que potencializara o seu caráter formativo contínuo, integral e sistemático.

O ver, que vem a ser a pré-escola, 1º a 28 de abril de 2015, busca despertar o autoconhecimento, a visão de mundo a partir da realidade da base;

O julgar, será curso intensivo, 29 de abril a 3 de maio de 2015, propõe aprofundar a reflexão e conhecimentos das bases norteadoras da ação pastoral da PJMP. Organizado em três eixos: O Eixo 1 – Fundamentos do Caminho; Eixo 2 – Bandeiras de luta. Eixo 3 – Artes da gente e Oficinas: Comunicação popular; Teatro do Oprimido; Expressões artístico-culturais; Biodança; Danças circulares e Danças populares.

O agir é o tempo comunidade (saltos individuais e coletivos) 4 de maio a 4 de junho de 2015, ações de acompanhamento e partilha de experiências até janeiro de 2016. Visa a construção e execução de um plano de ação a ser realizado nas bases a fim de gerar impactos diretos na vida da comunidade local.

A taxa de participação é de R$ 50,00 incluindo estadia e alimentação. Mais informações nos e-mails joneufam@gmail.com e pjmpsecretaria@gmail.com e também pelos telefones: (92) 98230-1083 (TIM) e (92) 99176-2999 (VIVO).

Por: Comunicação da PJMP

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais