Olhos de Deus: jovens atores de Itapetininga apresentam peça teatral nas cidades da diocese

Publicado em 7 de maio de 2016 Por Seja o primeiro a comentar!
Foto: Divulgação peça teatral “Olhos de Deus”.

Foto: Divulgação peça teatral “Olhos de Deus”.

A partir da iniciativa do grupo “Filhos do Céu”, jovens atores apresentam na Diocese de Itapetininga (SP) a peça teatral “Olhos de Deus”. A produção conta a história de cinco personagens que se encontram por acaso e descobrem ter algo em comum: perderam o sentido de suas vidas. Talyta está à espera de um táxi em um ponto de ônibus, quando é abordada pelo mendigo Fabrício, que sem sucesso, pede dinheiro. Logo, o empresário Eduardo aparece acompanhado de Mel, uma garota de programa. Ele está aborrecido por causa de seu pneu furado.

É quando Eduardo vê seu filho ‘Rafa’ tentando assaltar Talyta. Rafa é surpreendido por seu melhor amigo Pedro que, rezando o terço, seguia-o para o impedir de cometer loucuras para conseguir mais droga. Pedro reconhece Talyta dos tempos de escola e seu coração bate mais forte. Contudo, é ao observar a situação entre pai e filho, que Pedro sente Deus falar que todos eles precisam de ajuda. Pedro, então, leva todos para a paróquia de padre Murilo. Na Igreja, os personagens percebem que não foi por acaso que foram parar na casa de Deus.

A peça “é mais uma história divertida, forte e emocionante que o Espírito Santo nos inspirou. Especialmente, no Ano da Misericórdia, queremos que as pessoas se identifiquem com os personagens e percebam que, independente da situação, Deus quer e pode mudar a vida de toda pessoa!”, diz o líder do ministério de teatro, Leonardo Ribeiro.

Os atores

O elenco conta com jovens entre 14 e 22 anos, moradores do distrito e ativos no grupo de jovens “Filhos do Céu“: Gabriel Plens, Samila Meira, Leonardo Ribeiro, William Queiroz, Valdemir Camargo, Ana Paula Rodrigues, Matheus Vieira, Sara Meira, Estefany Leocadio, Felipe Silva, Giovani Ferreira, Douglas Camargo.

O grupo jovem faz parte da Comunidade Santa Cruz, localizado no Distrito Tupi e pertence à cidade sede da Diocese de Itapetininga. Além de encontros dominicais, o grupo realiza oficinas semanais de música, dança e teatro e utiliza recursos tecnológicos como falas gravadas, além de buscar inovar em cada produção com uma linguagem jovem, criativa e diferente de evangelizar.
Foto: Divulgação peça teatral “Olhos de Deus”.

Foto: Divulgação peça teatral “Olhos de Deus”.

Apresentações

O grupo se apresentará em várias cidades da Diocese de Itapetininga, em retiros de crismandos, encontros vocacionais e em outros grupos de jovens.

A peça tem duração de 60 minutos e classificada como comédia dramática. Conta com doze personagens entre protagonistas e secundários e aborda temas como: conversão, vocação, drogas, aborto, misericórdia divina, entre outros.

“É lindo perceber como um padre pode ser instrumento da misericórdia de Deus! O personagem do Padre Murilo ganha destaque e mostra exatamente a importância de um sacerdote na vida de pessoas que querem voltar para a Igreja e mudar de vida”, completa Leonardo

Por Ariana Ayres, repórter site Diocese de Itapetininga

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais