Igreja em ação pelas vítimas do terremoto no Nepal

Publicado em 27 de abril de 2015 Por Seja o primeiro a comentar!

Caritas Australia

Uma missa em sufrágio das vítimas do terremoto foi celebrada na manhã desta segunda-feira, 27, pelo Vigário Apostólico do Nepal, Dom Paul Simick. O prelado rezou pelas vítimas e convidou os fieis nepaleses a um “esforço de conforto e solidariedade, para mostrar a misericórdia do Pai”. A Presidência da Conferência Episcopal italiana enviou 3 milhões de euros ao país, destinados às ações de primeiros socorros às vítimas.

“A pequena Igreja nepalesa conta também com ajudas internacionais, dada a dimensão da tragédia que atingiu o país”, declarou à Agência Fides o Diretor da Caritas do Nepal, Pe. Pius Perumana, falando sobre o empenho da organização após o violento sisma de magnitude 7,9. O dano estrutural para Kathmandu é extenso e a área continua experimentando novos tremores fortes, perda de energia e baixas temperaturas.

“O balanço das vítimas continua a subir constantemente”, observou. “Estamos em mais de três mil mortos, mas as estimativas, considerando os distritos atingidos, indicam que o número poderia chegar a seis mil. Muitos corpos estão ainda sob os escombros e o exército e as equipes  da proteção civil estão totalmente envolvidas nas operações de socorro. Calcula-se que existam mais de cinco mil feridos e milhares de desabrigados e sem-teto”, prosseguiu.

“Visitamos os lugares atingidos. Neste momento a Caritas, que já lançou um apelo internacional, saiu a campo para prestar as primeiras ajudas aos sobreviventes, como tendas, comida e água. A nossa missão é também a de encorajar as pessoas”, observou.

O Diretor da Caritas acrescenta que “as estimativas sobre vítimas e sobre as pessoas atingidas são até o momento incertas, pois muitos povoados atingidos ficam em regiões remotas, de difícil acesso. Estamos ainda em plena emergência”, explicou, acrescentando que “o terremoto ocorreu de dia e durante uma festividade, quando muitas pessoas estavam em espaços abertos, o que evitou um número muito maior de vítimas”. Segundo a UNICEF, são mais de 900 mil as crianças nepalesas que têm necessidade de assistência humanitária urgente.

Numerosos templos hinduístas e mosteiros budistas foram danificados. Em Kathmandu, uma igreja protestante desabou com  70 fieis dentro. Como reportado pela Agência Fides, as igrejas, escolas e estruturas católicas não sofreram graves danos.

Cáritas dá suporte a pessoas atingidas por terremoto no Nepal

A Caritas Internationalis, a agência de ajuda internacional e desenvolvimento da Igreja Católica e suas agências membros no Nepal, estão trabalhando em Kathmandu com a Caritas Nepal no rescaldo do terremoto.

A coordenadora de programas da Caritas Austrália enviada ao Nepal, Eleanor Trinchera, relata, direto de Kathmandu: “Eu nunca vi tanta devastação. Enquanto as ruas estão cheias, se vê o caos e as pessoas tentando encontrar entes queridos e amigos. A cidade está paralisada, com edifícios destruídos, estradas bloqueadas, energia intermitente.”

A equipe do Catholic Relief Services e Caritas Índia estão em Kathmandu para ajudar na resposta inicial. As avaliações estão chegando e as equipes da Caritas no país organizam a resposta. A Caritas Nepal forneceu 50 lonas para as pessoas que estavam do lado de fora na noite passada.

“O resgate é a principal prioridade no momento. Muitas pessoas perderam suas casas e estão nas ruas ou em espaços abertos expostas a temperaturas entre 11 e 15 graus Celsius durante a noite, por isso estamos providenciando comida e abrigo temporário”, disse o diretor da Caritas Nepal, Pe Pio Perumana.

“Mais 66 tremores secundários menores aconteceram ainda no sábado (25), seguidos por outro grande terremoto no domingo (26), fenômeno raro em um período tão curto. O dano será devastador com este recente terremoto”, relatou Prakash Khadha, da Caritas Nepal.

Foram muitos danos, incluindo vidas humanas e bens materiais. As pessoas estão em pânico e todo mundo está na rua, as pessoas permanecem fora de suas casas. Há, ainda, a preocupação com as chuvas e a falta de eletricidade em outras partes do país, o que dificulta a chegada de suprimentos médicos e provoca a falta de comunicação.

Papa reza pelas vítimas no Nepal

Na Oração do Regina Coeli deste domingo, 26, o Papa Francisco rezou, junto com os fieis reunidos na Praça São Pedro, pelas vítimas do violento terremoto que atingiu o Nepal.

“Desejo assegurar a minha proximidade às populações atingidas por um forte terremoto no Nepal e nos países vizinhos. Rezo pelas vítimas, pelos feridos e por todos aqueles que sofrem por causa desta calamidade. Que tenham o apoio da solidariedade fraterna. E rezemos a Nossa Senhora para que lhes seja próxima”, foi a oração do Papa Francisco na Praça São Pedro. Também na noite de sábado o Santo Padre havia enviado um telegrama ao Núncio Apostólico no Nepal, assegurando suas orações e proximidade às vítimas do sismo.

 

Com informações de Radio Vaticano e Caritas Brasil.

Foto: Caritas Australia

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais