Economista dá 6 dicas de como se planejar para JMJ Cracóvia2016

Publicado em 25 de julho de 2015 Por Seja o primeiro a comentar!

base noticia_JC 2015Falta um ano para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), em Cracóvia, na Polônia. Quem já esteve em outra edição do evento sabe que já é de praxe fazer novos amigos, “cambiar” lembrancinhas, dançar com gente do mundo todo e, lógico, sempre ouvir a voz do Papa nos fazendo aumentar o amor a Deus e pela Igreja.

Porém, até chegar a uma JMJ, os grupos demonstram muito esforço para conseguir arcar com os gastos e, para a próxima edição em 2016, a situação está mais delicada por conta do cenário econômico internacional, especialmente pelas altas do dólar e euro.

Mas, mesmo diante dessa instabilidade, muitas pessoas já estão se programando e mobilizando suas comunidades locais para conseguirem se unir aos milhões de jovens do mundo todo no ano que vem. Para ajudar quem está com vontade de ir à JMJ, mas ainda não sabe como juntar dinheiro, nós conversamos com o professor de finanças, do Instituto Brasileiro de Mercado de Capitais (Ibmec/RJ), Gilberto Braga.

Peregrinos precisam se organizar desde já.

Peregrinos precisam se organizar desde já.

Anote aí algumas dicas:

1) Estabeleça um objetivo e um planejamento para se alcançar e defina como a viagem à Polônia será feita: de avião direto ou com baldeação? hospedagem em hotel, abrigos ou centros de peregrinos? E assim sucessivamente;

2) Faça um levantamento dos custos envolvidos em euros;

3) Comece a comprar os euros progressivamente, de acordo com sua capacidade. Como nos últimos tempos a moeda estrangeira tem sofrido grandes oscilações, o ideal é não acumular fundo em reais para a viagem;

4) Determine um valor mensal como parcela e compre euros, pois mesmo que você mude de ideia e desista da viagem, com a valorização da moeda não haverá perda de dinheiro;

5) Caso seus recursos estejam limitados, a dica é se definir o mais rápido possível e buscar as alternativas em albergues e casas de peregrinos poloneses, pois, quem larga na frente encontra as melhores alternativas na frente de quem chegar depois;

6) Fique atento aos pacotes do Comitê Organizador Local (COL), pois em todas as JMJ há planos sugeridos para cada tipo de poder aquisitivo que são oferecidos aos peregrinos.

Frei Benedito Júnior coordena o grupo de 30 jovens de Anápolis.

Frei Benedito Júnior coordena o grupo de 30 jovens de Anápolis.

Na luta

Um exemplo de planejamento é o da comissão formada por 30 jovens que participam da Província do Santíssimo Nome de Jesus no Brasil, em Anápolis (GO), dos frades franciscanos. Desde o ano passado, eles arregaçaram as mangas e começaram a se programar para ir a Cracóvia.

De acordo com o responsável, frei Benedito Júnior, o grupo fará o itinerário mais simples, no estilo “mochilão”, contando com a ajuda e sendo guiados por frades que já moram na Europa, com intuito de baratear a viagem.

Ele contou que mesmo com a simplicidade do roteiro, os custos ainda são elevados e, por conta disso, muitas ações estão acontecendo para auxiliar esses jovens. “Montamos uma banca de comida na quermesse da paróquia; vendemos água na porta das universidades em dia de vestibular; fizemos um pedágio e estamos programando mais um: promoveremos uma feijoada, entre outras iniciativas que temos colocado em prática”, conta o frade.

Por Maria Amélia Saad
Edição: Gracielle Reis
Imagens: Layla Kamila 

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais