Ações futuras da evangelização da juventude gaúcha pautaram seminário

Publicado em 20 de agosto de 2013 Por Seja o primeiro a comentar!


No final de semana passado, de 16 a 18 de agosto, foi realizado o Seminário de Evangelização da Juventude. A programação reuniu os assessores, articuladores, comunicadores e jovens das dioceses do Regional Sul 3 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Estiveram representadas 16 dioceses do Estado. O objetivo era avaliar os processos e a organização do trabalho com a juventude no Estado, recolhendo as aprendizagens, a fim de projetar as linhas de ação comuns para a evangelização da juventude gaúcha. O seminário teve como texto iluminador passagem bíblica do envio dos 72 discípulos.

Na primeira noite de encontro, celebrou-se a memória do caminho percorrido desde o anúncio em Madri de que a próxima Jornada Mundial da Juventude seria no Brasil. Dentro desta caminhada foram lembrados: a definição da marca do Eaí?Tchê; a passagem da cruz e ícone de Maria pelo Rio Grande do Sul; os “Bote Fé” diocesanos; o Bote Fé Fe regional, em Santa Maria; a Semana Missionária promovidas nas dioceses gaúchas; e, por fim, a Jornada Mundial da Juventude, momento de celebrar todo esse processo percorrido.

A partir das lembranças trazidas na oração da noite, no sábado, foi iniciado um diálogo por províncias eclesiásticas best casino bonuses sobre a caminhada nas dioceses. Foram partilhadas as alegrias e dificuldades do processo e, a partir disso, que perspectivas podem ser apontadas para o futuro.  E, iluminados pela Palavra de Deus, pelos documentos da Igreja e pelos discursos do papa Francisco, os participantes refletiram sobre alguns aspectos que auxiliaram a projetar a caminhada que se quer fazer como regional: Jesus Cristo, Igreja, Comunidade, Juventude e Missão.

Os assessores, articuladores e comunicadores vislumbram que o Serviço de Evangelização da Juventude do Regional Sul 3 da CNBB é de fundamental importância para o processo de animação e articulação da evangelização da juventude em todo Estado. Para garantir a continuidade da caminhada, foram pensados alguns indicativos para o trabalho a ser realizado pelo regional e linhas de ação comuns para as dioceses. Será encaminhada ainda nesta semana uma carta com algumas reflexões do seminário; o documento também será publicado no portal do Eaí?Tchê.

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais