A Espera do Amor

Publicado em 10 de junho de 2015 Por Seja o primeiro a comentar!

artigo_amor

O amor espera. Espera sem pressa. O amor espera com confiança, “esperando contra toda esperança”. O amor espera no silêncio, na paciência, na crença de que tudo tem seu momento oportuno. O amor espera na tristeza e encontra na dor motivos para continuar a esperar. O amor espera o dia seguinte, a próxima semana e o próximo mês. O amor espera contando os dias e somando as saudades. O amor espera a primavera, mesmo se no inverno já chegou.

O amor espera sentado no banco da fidelidade, na estação da liberdade. O amor espera com muita lealdade, olhando atento quem partiu. O amor espera sem deixar de sonhar. O amor espera sem deixar de ser amor. O amor espera o tempo do diferente. O amor espera quem ainda não chegou. O amor espera mesmo sem esperança. O amor espera mesmo sem lembrança. O amor espera o que viu e espera ainda mais o que não enxergou.

O amor não teme esperar. O amor não teme a espera. O amor espera sem se entregar. O amor espera a aurora e não desperta sem o outro querer. O amor espera com o vento do contratempo e mesmo assim, não se deixa abater. O amor espera que passe e espera o que passou. O amor espera de olhos fechados. O amor espera o passo de quem se atrasou. O amor espera o tempo como o tempo espera o amor. O amor espera mesmo perdendo. O amor espera o sim e espera o não. O amor espera sem aprisionar, mas se prende decidindo esperar. O amor espera tudo sem cobrar nada. O amor espera para além dos muros. O amor espera até o fim da estrada.

 

Por Denise Landim – Jovem consagrada na Comunidade Católica Shalom de Fortaleza (CE). Possui um blog onde publica seus textos: http://deniselandimsh.blogspot.com.br.

Imagem: Unsplash.com

/tags

/leia mais

/deixe seu comentário

/redes-sociais

/siga nossas redes sociais